NAIDE BRITO DEDICA AUDIÊNCIA DE MULHERES CONTRA A REFORMA DA PREVIDÊNCIA A DONA MARISA E A EX-PRESIDENTA DILMA

Luciana, Débora Regis, Naide Brito, Dona Nani, Mírian Martinez e Dona Augusta

A vereadora e presidenta da Câmara de Lauro de Freitas, Naide Brito, dedicou Audiência Pública: Mulheres em luta contra a reforma da Previdência, que teve como propositoras as vereadoras Naide, Luciana, Débora, Mírian e Augusta,  realizada nessa sexta-feira (31) no Plenário da Casa a Marisa Letícia, esposa do presidente Lula e a ex-presidenta Dilma Rousseff que foi vitima de golpe. “Dona Marisa sofreu várias agressões, tanto da Rede Globo quanto do Supremo Tribunal Federal que afetou a saúde já fragilizada, colaborando para sua morte”, emocionada, relata Naide. Durante o evento 20 mulheres do município foram homenageadas.

A audiência realizada em conjunto com todas as vereadoras da cidade, contou com participação do senador do Rio de Janeiro, Lindbergh Farias e da prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho. Teve como principal objetivo alertar as mulheres de Lauro de Freitas que a PEC- 287/2016, proposta pelo governo golpista de Michel Temer é um retrocesso aos diretos das mulheres.

Para Naide é a reforma da “morte”. “Nós mulheres que já temos uma jornada cansativa teremos que trabalhar até no mínimo atingir 65 anos e contribuir 49 anos para conseguir a aposentadoria, isso tendo que contribuir para a previdência por 25 anos ininterruptos”. Vale lembrar que a expectativa de vida dos baianos é de 73 anos, segundo dados do IBGE de 2015. “Nossos filhos e netos terão que começar a trabalhar aos 16 anos e não poderão ficar desempregados por nenhum período para conseguir se aposentar e ai gozar apenas oito anos”, sinaliza a prefeita Moema Gramacho.

Moema também lembrou que Temer quer acabar com o país. “Nós não podemos permitir que isso aconteça, temos que lutar contra esse governo ilegítimo que só visa maldades para seu povo, nas próximas eleições temos que eleger nosso projeto politico que visa garantir mais direitos para os brasileiros e que não aceita retrocessos principalmente para as mulheres”.

Já para Lindbergh o governo Temer “não representa o povo e sim a burguesia, por isso eles estão destruindo os direitos dos trabalhadores para conceder mais lucros aos empresários e banqueiros que foram os grandes articuladores e financiadores do golpe”.

No final do evento o senador convocou toda população para participar da greve geral contra reforma da Previdência que será realizado no dia 28 de abril em todo Brasil. “Se conseguirmos parar o país, com certeza desmontaremos a proposta”, afirma.

Participaram da seção representantes do Governo do Estado, Policia Militar e Cívil, Centro de Referência Lélia Gonzalez, Secretários do Município, Conselho de Mulheres de Lauro de Freitas, os deputados Bira Coroa e Joseildo Ramos e os vereadores Amarílio Topó e Roque Fagundes.


Share on Google Plus

About Marcinho do Saiunoblog

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.