MC BEIJINHO - ME LIBERA NEGA (Clipe Oficial): ESCANDURRAS NÃO TEM AUTORIZAÇÃO PARA CANTAR E GRAVAR


‘Me Libera Nega’ foi criada há três anos e inspirada em ex-ficante, conta MC Beijinho
Foto: Tiago Dias / Bahia Notícias

Após a polêmica da música “Me Libera Nega”, entre Filipe Escandurras e MC Beijinho, o compositor do hit esteve na redação do Bahia Notícias, nesta sexta-feira (6), junto com a sua mãe Lindinalva Gonçalves, para contar detalhes da composição e como está o processo de autorização para Escandurras. “Eu fiz a música há três anos. Na época autentiquei no cartório, depois cheguei em casa e a minha mãe guardou. Não me deu mais e eu só podia cantar de boca”, lembrou Beijinho. Eles contaram que a primeira pessoa a entrar em contato para saber do hit foi Márcio Victor, mas logo depois apareceu Escandurras e fez a gravação. “Em dezembro, ele me chamou e disse que não queria mais fazer parceria com meu filho, então procurei Chico Kertész, que hoje é o empresário dele”, explicou Lindinalva. Os dois destacaram que não têm nada contra Escandurras e se sentem agradecidos, mas ressaltaram que ele precisa pedir autorização, já que “Me Libera Nega” foi gravada pela Sony e editada pela Universal. MC Beijinho está confiante que seu hit seja a música do Carnaval de Salvador e contou que ela foi inspirada em uma ex-ficante. “Foi na época em que uma garota foi ficar comigo em casa, aí perto dela ir embora, eu fiz a música. Eu falei: ‘me libera nega, vem pro Olodum’ e chamei. Aí rimou ‘vem pro Olodum, eu vou te dar um beijo e depois te dar mais um’”, disse empolgado. Beijinho tem 19 anos e desde criança sonha em ser cantor. Após o episódio do furto de dois celulares e a prisão, ele está no centro de reabilitação do Pastor Robertinho. “Eu estou legal. Saio quando tenho que cantar, fazer reportagem, ou produzir o repertório. Lá no centro eu também tenho um personal trainer. Tudo isso me preparando para o Carnaval”, garantiu o cantor, com esperança no futuro e deixando o passado como aprendizado.

Sony e Universal podem processar Escandurras por gravar ‘Me Libera Nega’ sem autorização
Foto: Divulgação

O hit “Me Libera Nega” assinado por Ítalo Gonçalves, de 19 anos, agora conhecido como MC Beijinho, enfrenta problemas com os direitos da obra. A música ganhou repercussão a partir da maneira inusitada como foi divulgada, durante a prisão do autor, que tinha furtado dois celulares. A música viralizou na internet e também ficou conhecida na voz do cantor Felipe Escandurras, que gravou uma versão da obra quando o compositor ainda estava na detenção. Ocorre que Escandurras tem feito participações com diversos artistas, lançando “Me Libera Nega” sem licença do autor - a apresentação mais recente foi no show de Wesley Safadão, durante Réveillon de Sallvador, na Praça Cairu. No entanto, o hit foi gravado em novembro pela Sony Music e editado pela Universal, e de acordo com André Villela, representante da Sony, Escandurras não tem autorização para gravar a canção e pode ser processado. “A única versão oficial é do MC Beijinho, a outra não tem liberação. Vamos notificar o cantor através da editora, provavelmente nesta quinta-feira (5), o mais rápido possível”, afirmou.
O escritório responsável por cuidar da carreira de MC Beijinho explicou que Escandurras fez uma versão, colocando um trecho dele, mas não tem autorização para gravar, nem confeccionar material de divulgação, como boné e outdoor. “Ele tem que pedir autorização. A música é de Ítalo junto com a mãe dele, Lindinalva. Ele é conhecido na rua, no bairro, onde mora e explicou que furtou o celular pra gravar a música”, disse o agente João Portela. MC Beiinho encontra-se em um centro de recuperação de Salvador, já que se declarou usuário de drogas. Uma pessoa mais próxima do MC contou que ele está apresentando boa recuperação, tem aula de canto e acompanhamento de uma fonoaudióloga. O compositor também se associou à Associação Brasileira de Música e Artes (Abramus), para ter seus direitos resguardados. “Ele é um menino simples, extremamente carente. Sempre que acontece algo de sucesso, todo mundo quer ser o pai da criança. Mas o sonho dele é cantar. Ele quer cantar a música dele, quer interpretar. Ele ouviu a música dele sendo cantada na TV durante transmissão do Festival de Verão e ficou surpreso”, contou o agente. “Ele compôs e quer cantar, é um direito. Por que outro vai fazer sucesso? Na rádio ele quer ouvir a voz dele”, concluiu Portela.

A história sobre a música "Me Libera Nega", do MC Beijinho, acaba de ganhar mais uma capítulo. A gravadora Universal Music elaborou uma notificação extrajudicial solicitando que o cantor e compositor Filipe Escandurras "deixe de interpretar em shows, rádios e em qualquer mídia existente e que possa vir a existir a obra litero-musical original assim como a adaptação por ele realizada imediatamente". Além disso, a gravadora exigiu que qualquer gravação existente e todos os vídeo na internet e os cedidos as Redes de Televisão sejam retirados do ar. O documento também solicita a "suspenção da divulgação de qualquer material de associação da obra ao Segundo Notificado sob pena da adoção imediata doas medidas judiciais cabíveis em face da inobservância das determinações constantes desta notificação extrajudicial". O documento na integra você confere clicando.
Share on Google Plus

About Marcinho do Saiunoblog

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.