COMUNIDADES AFETADAS PELA SECA GANHAM ABASTECIMENTO DE ÁGUA

Nesta quinta-feira (10), treze comunidades rurais do município passaram a contar com água potável, com a inauguração da rede de abastecimento de água da região. Cerca de 6,5 mil pessoas foram beneficiadas com a obra, que teve investimento total de R$ 2,5 milhões. 
Durante a inauguração, que contou com o governador Rui Costa, os habitantes da zona rural ainda foram contemplados com a assinatura de convênio do Programa Bahia Produtiva.
De acordo com o governador, as obras de abastecimento de água seguem como prioridade. “Água é vida e saúde. Nossa meta é chegar ao fim do mandato com o maior número possível de distritos e zonas rurais recebendo água tratada, água potável para beber”, revelou.


Com extensão de 70,8 quilômetros e 1.627 novas ligações domiciliares, o sistema de abastecimento de água chegou às comunidades de Quixabeira 01 e 02, Tocos I, II e III; Jacaré Grande; Carpina; Lagoa da Rosa; Encruso; Sungai; Barroada; Aldeia e Bananeira, que tradicionalmente sofrem com a seca.
Segundo o secretário de Infraestrutura Hídrica e Saneamento do Estado, Cássio Peixoto, além de saúde, mais obras estão previstas até o final do ano. “Atualmente, milhões de pessoas morrem no mundo por não terem acesso à água tratada. Até dezembro deste ano, vamos concluir mais obras de sistema de abastecimento, como em Cruz das Almas, Sapeaçu e outras cidades”, afirmou Peixoto.
Bahia Produtiva
Vinte famílias vinculadas à Associação do Povoado de Queimadas, em Governador Mangabeira, passaram a ser contemplados pelo Programa Bahia Produtiva. O valor do convênio é de R$ 180 mil. A quantia será utilizada pelos produtores rurais para a compra de galinheiro com equipamentos, rações, além de kit familiar para a criação de galinhas caipiras. 

Fonte: atarde
Share on Google Plus

About Ana Lúcia Leal da Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.