Revitalizado, Parque Ecológico de Vilas, em Lauro de Freitas é mais uma alternativa de lazer e pesquisa



Ar puro, grama verde e uma extensa área coberta pela Mata Atlântica formam o cenário paradisíaco do Parque Ecológico (PE) de Vilas do Atlântico, em Lauro de Freitas. O equipamento foi entregue nesta segunda-feira (5), Dia Mundial do Meio Ambiente, após cinco meses de intenso trabalho de revitalização para compor mais uma alternativa de lazer para a população e de pesquisa para as universidades.


São 70 mil metros quadrados de mata virgem onde 15 mil metros são utilizados com propostas ecológicas ligadas a preservação da natureza e informações sobre o bioma local. Logo na entrada do Parque a horta de plantas medicinais e verduras são o cartão postal que realçam o objetivo educacional e conscientizador proposto pela Secretaria de Meio Ambiente, Saneamento e Recursos Hídricos (Semarh), para o PE. "Nós queremos atrair as famílias, juntar amigos e crianças com entretenimento e segurança garantidos", disse o gestor da Semarh Alexandre Marques.


Marques apresentou os projetos pilotos construídos em parceria com outras pastas municipais que pretendem movimentar o lugar com novidades para todas as faixas etárias. Além da parceria com o Projeto Tamar que montou um espaço com protótipos das espécies de tartaruga marinha predominantes na costa brasileira, atividades com pessoas idosas e excepcionais também foram planejadas.




Aberto diariamente, das 8h às 17h, no PE os mais aventureiros podem adentrar a mata pela trilha com auxílio e a companhia de instrutores que identificam as espécies que lá habitam. "A ideia é catalogar a fauna e a flora deste lugar com o apoio das faculdades de Lauro de Freitas", destacou Alexandre.
 

Visitando o PE pela primeira vez, a estudante Lara Silva, de 14 anos, ficou encantada com tudo que viu. "Vou voltar aqui com meus primos e irmãos", disse. A dona de casa Ana Soares, 58 anos, conheceu o Parque há algum tempo e avaliou o resultado. "Está muito diferente, tudo lindo. Não dá vontade de ir embora", brincou, enquanto assistia a apresentação da Orquestra de Pandeiros, uma das atrações musicais do ato de reabertura do parque.



Durante a entrega do equipamento, Marques ressaltou a importância da revitalização dos rios que cortam a cidade. De acordo com ele as águas do Rio Sapato estão sendo monitoradas a cada mil metros. "É só o começo do que será feito nos rios que cortam Lauro de Freitas. Já estamos realizando o levantamento para mapear onde nascem e onde deságuam para monitorar todos os percursos", explicou.


PLANO DE SANEAMENTO

O secretário de Infraestrutura Vidigal Cafezeiro apresentou a proposta de mobilização popular para construção do Plano Municipal de Saneamento Básico. O documento é composto de ações voltadas para o tratamento de esgotos e distribuição de água potável encanada em todas as regiões do município. "Em breve realizaremos audiências públicas para ouvir a população e executar o plano de modo que todos sejam contemplados", disse.

Por lei o Plano pode ser apresentado até o dia 31 de dezembro, mas Vidigal comemora a otimização do trabalho realizado em parceria com a Secretária de Serviços Públicos (SESP) e Semarh. "Estamos trabalhando a seis mãos diuturnamente em prol disto e em breve colheremos os resultados", finalizou.

As atividades no PE seguem durante toda semana. Os visitantes poderão desfrutar da programação especial que foi preparada para comemorar a reabertura do equipamento. Além de peças teatrais e rodas de diálogo também acontecerá o primeiro curso de compostagem. Os interessados devem se inscrever na sede do PE, o curso é gratuito com vagas limitadas.


Share on Google Plus

About Marcinho do Saiunoblog

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.