PAI MATA FILHO POR NÃO ACEITAR A PARTICIPAÇÃO DELE EM MOVIMENTOS SOCIAIS E ESTILO ROQUEIRO

Resultado de imagem para Alexandre José da Silva Neto, 60

Alexandre José da Silva Neto, 60, não concordava com a participação do filho, Guilherme Silva Neto, de 20 anos, com movimentos sociais e com o comportamento “alternativo” do jovem. E esse foi o motivo para o pai assassinar o estudante, na tarde desta terça-feira, em Goiânia (GO). 

Alexandre baleou o universitário, que conseguiu fugir, mas apenas por um quarteirão. Depois o pai atirou quatro vezes contra Guilherme e então se debruçou sobre o filho e atirou contra si mesmo. Ele chegou a ser socorrido e levado ao Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), mas morreu. 

Em seu perfil nas redes sociais, Guilherme, que estudava Matemática na UFG, mostrava-se atuante nas ocupações escolares, além de ser contra a cultura do estupro e a favor da legalização do aborto. 

De acordo com a Polícia Civil, eles tiveram uma briga na manhã de ontem por causa do envolvimento de Guilherme com as ocupações de escolas. O jovem era o único filho do engenheiro e de Rosália de Moura Rosa Silva, delegada aposentada plantonista da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam)
Share on Google Plus

About Marcinho do Saiunoblog

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.